Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

27/01/2017 08:08
  • Parceria entre Semul e Ministério Público fortalece enfrentamento à violência doméstica

A Secretaria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres (Semul) firmou parceria com o Ministério Público, por meio do Núcleo de Apoio à Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar (NAMVID), para atuar de forma mais efetiva junto aos homens agressores e às mulheres com medidas protetivas. A ideia é aproveitar a expertise que a equipe do NAMVID tem com o grupo reflexivo de homens, para aplicar na rotina de atendimentos da Semul, e também absorver a demanda reprimida que o Ministério Público tem em relação às mulheres com medidas protetivas que necessitam dos serviços da secretaria.

Para tanto, a equipe de assistentes sociais da Semul está participando de uma formação junto ao pessoal do NAMVID, para conduzir intervenções junto aos homens agressores, cujas mulheres estão sendo atendidas pela Semul. Eles participarão de oficinas onde terão acesso a informações a respeito das leis de proteção à mulher e do enfrentamento a quaisquer tipos de violência.
Além disso, eles também tomarão conhecimento a respeito do que é a cultura machista, os malefícios que esse tipo de comportamento pode trazer para a família e como mudar atitudes visando melhorar os relacionamentos sociais. Serão ainda repassados esclarecimentos sobre o papel da Secretaria e de seus serviços de atendimento psicológico, social e jurídico através do Centro de Referência Elizabeth Nasser, e do programa Casa Abrigo Clara Camarão, que protege mulheres em risco eminente de morte devido à violência doméstica.
As visitas da equipe do Centro de Referência ao NAMVID já começaram e acontecem quinzenalmente. As profissionais estão fazendo uma triagem das mulheres que procuram o Ministério Público em função da violência doméstica e que não passaram pelos serviços da Semul. Dependendo do quadro, elas são encaminhadas para atendimento dos equipamentos da Secretaria.
Para Ana Cláudia Mendes, coordenadora do Departamento de Enfrentamento à Violência da Semul, esta parceria é fundamental para ampliar o alcance do trabalho da SEMUL. "A aproximação com o Ministério Público traz o fortalecimento institucional para a nossa luta, nos possibilitando pensar em novas estratégias de atendimento e aumentando o alcance do nosso exercício", comenta.
O Namvid já desenvolve um trabalho de intervenção com homens desde 2013, com os grupos reflexivos formados por homens em processo judicial e envolvidos em contexto de violência doméstica e familiar. O objetivo é despertar uma reflexão sobre atitudes violentas e machistas, fazendo com que internalizem uma conduta de comportamento assertivo. Desde que começou, o projeto apresenta reincidência zero da agressividade contra mulheres desses participantes.

Para Jackeline Morais, psicóloga do NAMVID, a parceria com a Semul vai reforçar o suporte às mulheres que se encontram nessa situação de violência. “Observamos a necessidade de uma intervenção mais coerente e integrada junto à rede de atendimento municipal, o que se apresenta com esta parceria com a Semul, que vai ampliar a atuação com os homens e mulheres envolvidos com a problemática da violência doméstica”, aponta.


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  
SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css