Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

03/05/2018 10:34
  • Prefeitura do Natal dá início a elaboração do orçamento participativo 2018
Anderson Régis

Democratizar o orçamento do município, elaborando o documento em parceria com a sociedade. Esse é o objetivo principal do Orçamento Participativo, cujos trabalhos foram iniciados nesta quinta-feira (03), após o lançamento do projeto, no auditório da Secretaria Municipal de Administração.

 

O Orçamento Participativo irá influir sobre o investimento de 1,5% do total geral do orçamento municipal. Isso representa algo em torno de R$ 9 milhões, que podem ser aplicados em obras ou serviços indicados pela sociedade de forma presencial, através das comissões formadas em cada região, ou via internet, no site da Prefeitura de Natal (www.natal.rn.gov.br).

 

“O orçamento participativo democratiza a tomada de decisões do Município. É uma ferramenta importante que a sociedade civil organizada possui e que precisa ser abraçada por todos. Quanto mais pessoas se fizerem presentes, melhores serão as tomadas de decisões na nossa gestão”, comentou o secretário de governo Kleber  Fernandes, que representou o prefeito Álvaro Dias.

 

A secretária de planejamento, Virgínia Ferreira relembrou que a elaboração do O.P. é uma das formas que a população tem para exercer diretamente a cidadania. “É um percentual importante no orçamento geral do Município que pode ser direcionado para execução de obras ou serviços de interesse da população”, explicou.

 

Wellington Bernardo, coordenador do MLB - movimento que representa uma parcela da população sem teto na capital potiguar disse que pretende estar entre os delegados, com o objetivo de garantir verbas para a área do Planalto. “Lá foi entregue o empreendimento Village de Prata para uma população muito grande. Precisamos levar serviços essenciais para esse povo como educação, saúde, esporte e lazer”, explicou.

 

O orçamento participativo teve início em 2005, mas foi interrompido entre 2009 e 2012, sendo retomado em 2013. “A Prefeitura tem procurado fortalecer ainda mais essa participação da sociedade para que as pessoas possam ter o controle de fato das políticas publicas e que elas possam participar ativamente das decisões”, explica a secretária adjunta de planejamento, Joanna Guerra.

 

A metodologia de funcionamento da elaboração do orçamento participativo foi debatida no auditório da SEMAD e em seguida foi formada a comissão provisória. Na sequência são formadas comissões para as regiões administrativas e as reuniões são realizadas por região. “Queremos concluir essas reuniões até o final do mês de maio. Paralelo à isso estaremos estimulando a participação da população através do site, cujas sugestões poderão ser dadas até o final do mês de junho”, afirmou Joanna Guerra.

 

Programação 

 

12 de maio - Igreja Católica de Mãe Luíza - encontro com os moradores da zona Leste. 

 

19 de maio - moradores da zona Oeste - Escola Municipal Emmanuel Bezerra - uma segunda reunião no mesmo dia será realizada no salão paroquial da Igreja Nossa Senhora da Esperança. 

 

26 de maio - na zona norte, também em dois momentos. O primeiro acontecerá no CRAS Nossa Senhora da Apresentação e o segundo na Área de Lazer do Panatis. 

 

02 de junho - zona Sul - auditório do CREA.


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  
SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css