Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

16/05/2018 11:01
  • Reciclagem e voluntariado dão novo colorido ao CMEI Professora Maria Abigail Barros
Manoel Barbosa

Uma ideia e a consciência da reutilização de materiais trouxeram um novo colorido especial ao Centro Municipal de Educação Infantil Professora Maria Abigail Barros de Azevedo, no bairro de Lagoa Azul, zona Norte de Natal. A reutilização dos materiais de antigos colchões para atender a outras necessidades da unidade de ensino serviu para confecção e manutenção de materiais pedagógicos e mobílias.

 

A iniciativa partiu da gestora pedagógica, a educadora infantil Joseilda Silva, que procurou encontrar uma nova utilidade para um grande número de colchões pertencentes à instituição que ficaram sem uso depois que o Centro de Educação Infantil passou a ofertar turmas de meio período. Uma medida que ampliou de 120 para 200 crianças atendidas na unidade de ensino.

 

A partir dessa sobra de colchões, a gestora resolveu lançar a ideia inicial. “Eu observei o material dos colchões, vi que era muito bom e, percebendo que nosso solarium não tem espaço para que as crianças também tenham sombra, procuramos na ficha de nossas crianças e encontramos o senhor César Souza - pai de aluno -  que trabalha como estofador, e fizemos a proposta para que ele nos ajudasse”, conta Joseilda.

 

Em conjunto, vieram também tapetes, materiais de estimulação psicomotora, toldos, coberturas de mesas, almofadas, entre outros artefatos. O serviço de reutilização foi desempenhado pelo casal César Souza e Rosemeire Araújo, estofador e costureira – pais de duas alunas e um ex-aluno do CMEI –, além do serralheiro Duarte da Silva e outros voluntários da comunidade. Colaborou, ainda, a estagiária Cristina Aparecida Chiva, que costurou tapetes para as salas a partir de lençóis dos berços.

 

Para Rosemeire é uma satisfação poder, apesar do tempo corrido devido a seu trabalho, ajudar a escola. “Me sinto honrada de participar desse trabalho, porque primeiramente a gente tem que ter amor, e cada coisa que a gente faz, sente como se tivesse cumprindo nosso dever”, afirma.

 

Duarte da Silva, morador do bairro, é conhecido na escola. O serralheiro se faz sempre presente em todo serviço que possa colaborar no CMEI: “Quando minha amiga diretora me convida, estou aqui. Para mim é uma satisfação contribuir no que posso com minha mão de obra e ajudar minha amiga, que está fazendo uma administração excelente”.

 

Segundo a gestora administrativa Sylvia Costa, ver os resultados da reciclagem aparecendo é de muita satisfação. “A gente que trabalha com Educação Infantil gosta muito de cor porque traz vida ao ambiente. Quando vimos as mesinhas todas coloridas, percebemos mesmo que ficou mais bonito e as crianças também notaram isso. O principal é ver a satisfação das crianças. Elas percebem e assim a gente trabalha com ela os valores: o zelo, o reutilizar, o cuidado”, conta.

 

A professora Joseilda Silva afirma que a prática da reciclagem é amplamente utilizada no CMEI Professora Maria Abigail. “Tenho uma história bem longa na Educação Infantil e sou do tempo em que nós não tínhamos nenhum recurso para trabalhar, utilizávamos apenas papelão, jornal – material reciclável. Então eu trouxe essa ideia para dentro do CMEI e nós estamos sempre agregando com a construção de novos materiais”, afirma.


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  
SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css