Lei de Acesso
 

Faça sua busca pelo site


Notícias

natal.rn.gov.br » Notícias » Notícias

01/10/2018 11:00
  • Diretora da Fundação SM Brasil ministra palestra para professores da Rede Municipal
Adrovando Claro

A Secretaria Municipal de Educação de Natal recebeu nesta sexta-feira (28) no auditório do Centro Municipal de Referência em Educação (Cemure), a professora Maria do Pilar Lacerda Almeida e Silva que proferiu a palestra “Educação Integral e os Novos Currículos". O público presente foi formado por professores, gestores e assessores pedagógicos da Rede Municipal de Ensino do Natal. A Prefeitura do Natal inaugurou em 2017 Escola Municipal Professora Teresa Satsuqui Aoqui de Carvalho que funciona em Tempo Integral.

 

 

A professora definiu inicialmente que a Educação Integral é uma concepção que compreende que a educação deve garantir o desenvolvimento dos sujeitos em todas as suas dimensões – intelectual, física, emocional, social e cultural e se constituir como projeto coletivo, compartilhado por crianças, jovens, famílias, educadores, gestores e comunidades locais. "A escola pública é uma verdadeira fábrica de democracia, ela tem que ter todos os partidos e não pode ser doutrinada, mas acessível a todos. Essa diversidade é que nos formam e isso só é possível na escola pública. Precisamos cada vez mais reforçar esse espaço de democracia, que defende as opiniões diferentes", disse Maria Pilar.

 

 

A Educação Integral é uma proposta contemporânea porque, alinhada as demandas do século XXI, tem como foco a formação de sujeitos críticos, autônomos e responsáveis consigo mesmos e com o mundo; é inclusiva porque reconhece a singularidade dos sujeitos, suas múltiplas identidades e se sustenta na construção da pertinência do projeto educativo para todos e todas; é uma proposta alinhada com a noção de sustentabilidade porque se compromete com processos educativos contextualizados e com a interação permanente entre o que se aprende e o que se pratica.

 

 

"A Educação Integral traz muitas respostas porque ela ajuda a enfrentar as desigualdades educacionais. Aprender é um desgaste. Aprender significa suar, é 90% de transpiração e 10% de inspiração. Nós aprendemos na pedagogia a muitos anos atrás que as crianças aprendem como uma escada, primeiro soma, aprende a subtração, depois multiplicação simples e divisão", explicou Maria Pilar.

 

 

Segundo a professora Maria do Pilar, a escola pública é uma só e tem que ser para todos e precisa criar praticas que integre as famílias dos alunos no estabelecimento de ensino. Essencialmente no que se refere à Escola, o currículo da Educação Integral pressupõe o acesso do estudante a todas as áreas do conhecimento de maneira articulada e permanente, rompendo com a fragmentação das disciplinas e dando sentido aos conteúdo a partir das questões, trajetórias, experiências e relações dos sujeitos envolvidos nos processos educativos.

 

 

A professora Maria do Pilar Lacerda Almeida e Silva é natural de Timóteo/MG, graduou-se em História na UFMG. Em 2001, especializou-se em Gestão de Sistemas Educacionais, na PUC-Minas. Foi presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), liderou o movimento em defesa de recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) para a Educação Infantil. Foi Secretária de Educação Básica do MEC de 2007 a 2012. Atualmente e diretora da Fundação SM Brasil.

 


Compartilhar no Facebook   Compartilhar no Twitter   Enviar por E-mail   Gerar para Arquivo/Imprimir  
SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto: w3c_aa w3c_xhtml w3c_css